Unidade de Saúde – Simon Bolívar
Presentes na reunião: Dr. João José Freitas, Vivian Lucas Gomes, Jaderson de Vargas, Enfa. Coordenadora Raquel Gadret Levy, Samantha Soltau, Vanise Silveira, Drª Angela Ciliato, Rodrigo da Rosa, Rosaura, Eliz Regina Rodrigues, Naiara Costa, Cintia Holtz.

A parceria público privada, entre a Cardio Nefroclínica (CNC) e a Secretaria Municipal de Saúde (SMS)  que há cinco meses atende pacientes reais crônicos, nos graus mais elevados da doença, acaba de receber mais um incremento. Na primeira quinzena de maio, encerrou-se um cronograma de 12 visitas realizadas às Unidades de Saúde, pela equipe do serviço de diálise, com o objetivo de levar informações ao maior número de profissionais integrantes da rede de atendimento aos pacientes renais.

Nos encontros foram tratado assuntos, como o caminho que o paciente renal percorre até chegar ao tratamento especializado, casos singulares da doença, além da desmistificação da diálise. De acordo com a colaboradora da CNC, Fabiana Vargas, presente em todas as visitas, o estreitamento das relações entre os médicos dos postos com o diretor Geral da CNC, o nefrologista  Dr. João José Freitas, e suas equipes tornou a troca de informações mais segura ao paciente e com certeza já apresenta impacto positivo no atendimento.

Entre as Unidades percorridas, esteve a localizada no bairro Simon Bolívar (foto), onde cerca de 13 pessoas participaram do diálogo, tornando o alcance das informações ainda maior. Para a coordenadora da Estratégia da Saúde da Família daquela localidade e enfermeira Raquel Levy, a participação de toda a equipe é fundamental para a compreensão dessa nova especialidade que está sendo incorporada ao atendimento da rede municipal. “Foi uma ótima oportunidade para entender bem como funciona a hemodiálise e, assim, evitar visões distorcidas sobre o tratamento que garante a permanência de vidas”, destacou.

Resultados 

Atualmente a parceria já oportuniza o atendimento a cerca de 12 pacientes renais crônicos, nos graus 4 e 5 da doença, em uma agenda de cinco atendimentos por semana, que segundo a Coordenadora da Regulação da SMS, Rose Maia, suprem a demanda atual. “Eu estou positivamente surpresa com o fluxo de trabalho dessa parceria”, comenta Maia acrescentando que o projeto de atendimento especializado em nefrologia foi planejado em conjunto com as duas entidades por um tempo expressivo, tornando a implementação mais eficaz.

Entre os próximos passos, a diretora Geral da CNC, Juliana Freitas conta que está a ampliação na agenda de atendimento. Outra possibilidade a longo prazo, levantada pelo Secretário de Saúde, Sérgio Aragon é o credenciamento da clínica na Portaria 389, Projeto do Ministério da Saúde, por meio do qual é possível conquistar repasses e facilitar a adoção de novas parcerias. Ainda na avaliação de Aragon, mesmo sendo um grupo ainda pequeno de atendimento realizados, é grande a necessidade de garantir que essas pessoas sejam acompanhadas antes de terem seus rins completamente comprometidos, de forma a retardar a necessidade de diálise e evitar óbitos decorrentes de situações emergenciais.

Surpreso com as melhorias do atendimento realizado pela rede municipal de saúde, especialmente nas Unidades dotadas do Programa de Estratégia da Família, o diretor técnico da CNC, relata a satisfação de toda a sua equipe em passar a integrar a rede básica de saúde. “Dessa maneira podemos chegar a grande parte dos os pacientes antes de eles perderem a sua função renal e isso faz com que possamos cumprir a nossa missão integralmente”, enfatiza.

Confira quais bairros tiveram suas Unidades Básicas de Saúde visitadas:

ARMOUR, TABATINGA, DIVISA, PRADO, PAM, CAIC, UNIDADE SANITÁRIA, SANTA ROSA, PLANALTO, VILA REAL, SIMON BOLIVAR e ESF Rural.

Category: cycle, Notícias

Deixe um comentário